in ,

Diniz: “Mesmo com os erros de arbitragem, poderíamos ganhar já que perdemos muitos gols”

Fernando Diniz. (Daniel Vorley/AGIF)

Treinador criticou a arbitragem no clássico deste sábado, mas também afirma que o que incomoda mais são as chances desperdiçadas e a falta de vitórias

O técnico Fernando Diniz criticou a arbitragem do clássico contra o Corinthians, neste sábado, no Morumbi, mas afirmou que a falta de vitórias o incomoda ainda mais. Nos últimos três jogos, são dois empates e uma derrota. 

“O que incomoda mais são as partidas sem vencer porque, mesmo com os erros de arbitragem, a gente poderia ganhar já que perdemos muitos gols”, afirmou 

E completou: “Nesse tempo, tivemos dois escanteios, um chute de Bruno Alves e um pênalti (não marcado). Precisávamos do domínio no meio-campo. O time ia criar mais condições de ganhar mesmo tirando um camisa 9, futebol não é matemática.”

Apesar dos elogios ao time, Diniz comentou sobre a arbitragem de Douglas Marques das Flores e foi duramente criticado pelos são-paulinos por causa de um pênalti claríssimo não marcado no fim da partida sobre Igor Gomes. 

“É muito fácil apitar o pênalti do Igor. Não tinha como ele ficar de pé. Era muito claro de ser apitado para coroar o time que jogou melhor. E a outra crítica que não pode passar batida: o Corinthians retardou o jogo o tempo todo, e ele foi dar um cartão para o Cássio com 90 minutos de jogo. Então, ele interferiu diretamente no resultado, como aconteceu contra o Novorizontino e contra o Santo André”, lembrou. 

Foto: Daniel Vorley/AGIF
Fonte: UOL Esporte

O que achou?

Escrito por Natália Milreu