in ,

Diniz fala sobre Maradona e lamenta perda do craque argentino

Desfalque e pendurados para São Paulo x RB Bragantino - Foto: saopaulofc.net

Diniz ficou chateado com o empate (e com o VAR), e muito triste pela morte de Diego Armando Maradona

Na noite desta quarta-feira, o São Paulo ficou no empate em 1 a 1 com o Ceará e perdeu a chance de diminuir a distância para o líder Atlético-MG. 

Mais cedo, uma notícia que movimentou e abalou o mundo do futebol. A morte de Diego Armando Maradona.

Fernando Diniz, não deixou de falar com pêsames, a morte do craque argentino.

Maradona foi a maior inspiração de todas. Mágico, gênio, corajoso, autêntico. Foi o jogador mais marcante da minha história com futebol, é o cara que quando criança eu queria ser. Foi o melhor que vi jogar”.

É um dia muito triste para o futebol. Foi um jogador encantador e deixou esse esporte muito mais bonito. O futebol teria sido mais triste se o Maradona não tivesse existido”.

Diniz não deixou de criticar os erros de arbitragem do Brasileirão. 

“O VAR tem mais prejudicado, em especial o São Paulo, do que ajudado. O erro contra o Atlético-MG foi absurdo, demoraram dias para ceder as imagens ao São Paulo. Aquele foi o primeiro erro que poderia ter mudado a partida, com um concorrente direto ao título”.

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara