in ,

Crônica – Palmeiras 0 x 2 São Paulo

São Paulo quebra tabu e vence o Palmeiras no Allianz Parque

Na noite deste sábado, o Tricolor, finalmente, venceu o rival fora de casa e acabou com o tabu

Veja como foi a partida

PRIMEIRO TEMPO

Na primeira etapa, São Paulo e Palmeiras jogaram de igual para igual, com ambas as equipes tendo possibilidades de abrir o placar. 

Com maior posse de bola, o São Paulo quase abriu o placar aos 21, quando Igor Gomes cabeceou cruzamento de Reinaldo.

O rival arriscou de longe e Volpi defendeu. O Tricolor voltou a construir uma boa oportunidade aos 40, quando Igor Gomes virou o jogo para Reinaldo chutar cruzado.

Apesar do jogo bem pegado na etapa inicial, os goleiros pouco trabalharam.

SEGUNDO TEMPO

São Paulo começou muito bem a segunda etapa. Igor Vinícius arrancou pela direita e fez um belo cruzamento na cabeça de Brenner, que subiu bem e mandou por cima do gol com muito perigo. 

Aos sete minutos, Daniel Alves deu um belo passe e encontrou Igor Vinícius fazendo a ultrapassagem. Ele sairia na cara do goleiro, porém Esteves chega impede o lateral, fazendo pênalti. 

Reinaldo bateu e converteu para o Tricolor. 

Aos 22 minutos, Reinaldo mais uma vez chegou com perigo. Em troca passes, Tchê Tchê consegue um belo passe virando o jogo para o lateral-esquerdo, que com espaço ajeita e bate para o gol. A bola passa com muito perigo raspando a trave. 

Desde os 26 minutos, o rival ficou com um jogador a menos, já que o zagueiro Luan se lesionou e o adversário já tinha feito todas as substituições. 

Aos 47  minutos, Igor Vinícius recebeu na esquerda em profundidade, invadiu na área e cruzou rasteiro para Vitor Bueno, que sozinho, na marca do pênalti bateu e balançou as redes 2 x 0!

E FIM DO TABU NA CASA DOS PORCOS

COMO FICA?

Com a vitória, o São Paulo chega aos 27 minutos e fica na terceira colocação. 

PRÓXIMO JOGO

São Paulo volta aos gramados na próxima quarta-feira (14), ás 19h15, contra o Fortaleza, na Arena Castelão

Foto:
Fonte: 
Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu