in ,

Ceni faz apelo ao São Paulo para manter Igor Gomes e Nestor

Ceni, em Itaquera. Foto: Rubens Chiri / SPFC

Treinador quer tentar segurar o elenco para brigar pela parte mais alta da tabela do Brasileirão

Para brigar na parte de cima da tabela, o São Paulo precisa manter o elenco para o segundo semestre. Essa é a visão de Rogério Ceni, preocupado com a janela de transferências do meio da temporada. Nomes como Rodrigo Nestor e Igor Gomes são alvos de sondagens e podem ser negociados.

Diante dessa situação, Ceni fez um apelo para a direção, que já manifestou a necessidade de vender atletas no meio do ano, como recentemente comentou o presidente Julio Casares, em entrevista ao “Grande Círculo”, do sportv.

“Não deveriam vender jogador por menos de dois dígitos. Se não for por mais de 10 milhões de euros, não deveria vender. Compreendo a necessidade do dinheiro e vamos tentar nos antecipar”, comentou o treinador são-paulino.

“Converso com a direção como um todo. São Paulo vai ter a venda do Antony, que acho que vai acontecer, e arrecadaremos um bom dinheiro. É um forno de vendas agora”, previu Ceni, apegando-se ao mecanismo de mais valia firmado ainda na venda de Antony para o Ajax.

O São Paulo possui direito a 20% do lucro que o Ajax terá com a possível venda de Antony.

Em 2020, o Tricolor negociou o atacante da seleção brasileira com os holandeses por 16 milhões de euros, e recentemente a imprensa britânica publicou que o Manchester United estuda pagar 60 milhões de euros pela cria de Cotia.

Foto: Rubens Chiri / SPFC

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara