in ,

CBF se preocupa com situação diferente do coronavírus em cada estados

A situação de cada estado brasileiro com a relação a Covid-19, deixa ainda mais difícil qualquer previsão de data para início do Campeonato Brasileiro de 2020

Com previsão para começar em maio, o campeonato brasileiro de 2020 segue indefinido, pois a CBF prefere não trabalhar com datas, por não saber quando os aeroportos estarão liberados para o deslocamento necessário das equipes.

Nesta edição, nove estados estarão na competição e alguns deles, como São Paulo e Rio de Janeiro, estão hoje em situação crítica, segundo o Ministério da Saúde.

Ainda não se sabe quando o isolamento social indicado para conter a expansão do vírus será relaxado, mas sabe-se que cada estado terá um calendário diferente.

Com isso, a diretoria da CBF apresentou essas condições a presidentes de clubes que participaram na última terça-feira (7) de uma reunião, por meio de videoconferência, para discutir entre outros temas o calendário do futebol em meio à pandemia. Os clubes, de olho em antecipar receita de direitos de transmissão, pediram a CBF para manter o formato do torneio, em 38 rodadas. 

A CBF avisou que hoje é impossível prever o cenário, principalmente porque os estados terão o abrandamento do isolamento social realizado em períodos diferentes e será preciso uniformidade para se jogar a competição.

O cenário do Brasileiro para a CBF ainda não chega a esse ponto, mas preocupa. Segundo dados do Ministério da Saúde, alguns estados vivem situações mais críticas devido ao alto número de casos confirmados e a situação dos sistemas de saúdes, que podem não ter UTIs suficientes para receber os doentes nas próximas semanas.

Na visão da cartolagem, os torneios mais fáceis a serem retomados são os Estaduais, como mostrou o blog na terça (7). Como os deslocamentos são curtos, se poderia criar sedes fixas e isolamento dos atletas para a conclusão dessas competições nos próximos meses.

Fonte: UOL
Foto: Divulgação

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara