in ,

Caso de doping no São Paulo

Carneiro foi suspenso provisoriamente por suspeita de uso de drogas; o uruguaio tem até quarta-feira para pedir exame de contraprova

Nesta segunda-feira, Carneiro foi suspenso provisoriamente por suspeita de uso de cocaína. O atacante uruguaio foi pego em exame feito pelo controle de doping da Federação Paulista de Futebol, aprovado pela Associação Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD). 

Segundo o jornalista Marcelo Hazan, jornalista do Globoesporte.com, o São Paulo foi comunicado hoje (segunda-feira) diretamente por Carneiro da notificação pelo exame antidoping. O clube não se manifesta sobre o assunto. 

Carneiro não jogou a final neste domingo, em Itaquera. O motivo divulgado pelo clube foi tendinite no joelho esquerdo. Ele não poderia ser usado pelo Tricolor na decisão por conta da suspensão preventiva por doping.

O atacante  foi pego no doping no jogo contra o Palmeiras no Pacaembu, na primeira fase do Paulistão, no dia 16 de março – ele jogou os 90 minutos, e o Tricolor perdeu por 1 a 0.

Carneiro tem até quarta-feira para pedir o exame de contraprova. O protocolo do Código Mundial Antidopagem de 2015 é de que o atleta tem sete dias a partir do comunicado para fazer esse pedido. Se o uruguaio não requisitar a contraprova dentro do prazo, ele aceita o resultado do teste inicial.

Foto: Rubens Chiri
Fonte: Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu