Banco Inter não terá mais exposição nas costas da camisa do São Paulo

São Paulo é o terceiro time no qual Daniel Alves mais jogou e fez gols - Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

São Paulo e Banco Inter renovaram o contrato nesta quinta-feira, porém, a empresa permanecerá só na parte frontal da camisa, mas deixará de aparecer nas costas

Banco Inter e São Paulo anunciaram a renovação do patrocínio master nesta quinta-feira. A empresa ficará estampada na parte frontal da camisa do Tricolor até o fim do ano, que é quando a gestão de Leco acaba. 

O banco deixará de aparecer nas costas. Com isso, o valor fixo a ser pago será menor do que o anterior e o clube poderá vender essa propriedade para outro parceiro.

As incertezas geradas pela paralisação dos campeonatos devido ao novo coronavírus deixaram a negociação muito complicada. Até a noite de quarta-feira, quando o acordo foi apalavrado, as duas partes estavam bastante pessimistas quando à continuidade do patrocínio. Isso causava preocupação na diretoria são-paulina, já que o contrato terminaria no fim deste mês e a situação financeira ficaria ainda mais complicada sem esta receita.

O período curto do novo vínculo, somente até o fim de 2020, quando termina a gestão Leco, é outra prova de que foi preciso ceder para o acordo sair. O São Paulo até recebeu sondagens de outras empresas, mas antes da pandemia, e acredita que seria muito difícil encontrar um substituto para o Banco Inter, parceiro desde 2017.

Os valores do contrato novo, assim como os do anterior, são mantidos em sigilo pelas partes. Estima-se, porém, que o Tricolor estivesse recebendo algo em torno dos R$ 20 milhões anuais somando a parte fixa do acordo e as variáveis: o clube ganha um bônus de acordo com o número de contas abertas por torcedores no Banco Inter e 50% dos resultados gerados pelas compras feitas com o “Cartão Morumbi”. Este modelo continua, com o valor fixo menor.

Além do Banco Inter, oito marcas são exibidas no uniforme neste momento: MRV (empresa que pertence aos mesmos donos do patrocinador máster), Urbano Alimentos, Cimento Cauê, AOC, Gazin Colchões, Betsul, Cartão de Todos e SPFC Chip.

Foto: Rubens Chiri
Fonte: LANCE!

Leave your vote

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.