in ,

Após vacilo, Arboleda faz as pazes com o São Paulo e com a torcida

Equatoriano começou a temporada vaiado pela torcida por ter vestido a camisa do Palmeiras, mas foi mantido pelo clube e segue como titular absoluto e se redimiu com boas partidas

No fim do ano passado, Arboleda deixou grande parte da torcida revoltada, ao ver o jogador vestido com uma camisa do Palmeiras em uma foto tirada pelo colega Billy Arce, durante suas férias. Atitude do defensor foi trata domo burrice, por Diego Lugano.

Passados quase quatro meses, o camisa 5 segue como titular absoluto, tem bons números em 2020, não ouve mais vaias das arquibancadas e se redimiu após boas partidas.

+ Arboleda concordou com protestos da torcida

Com Fernando Diniz no comando, o índice de jogos da dupla sem sofrer gols é de 11 em 25 possíveis (44%).

De acordo com levantamento do site Sofascore, Arboleda levou apenas um drible em 810 minutos no Paulistão deste ano, além de ser o líder da equipe em interceptações e cortes e o segundo em duelos ganhos e desarmes.

Por causa da foto polêmica, Arboleda recebeu uma multa da diretoria ainda na pré-temporada e ouviu vaias da torcida organizada na primeira rodada do Estadual, contra o Água Santa. Os palmeirenses também tiraram sarro antes do empate sem gols entre as duas equipes, gritando o nome dele em Araraquara, mas acabaram vendo uma ótima atuação do defensor na segunda rodada.

O último episódio deste caso veio na terceira rodada, quando Arboleda marcou um dos gols da vitória por 2 a 1 sobre a Ferroviária, também em Araraquara, e posou para uma foto com os companheiros na comemoração, dessa vez com a camisa certa.

No São Paulo desde 2017, Arboleda soma 121 partidas e sete gols marcados.

Foto: Divulgação

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara