A permanência de Hernanes é prioridade no São Paulo

O profeta, peça fundamental da equipe na salvação do São Paulo do risco de rebaixamento no Brasileirão, tem contrato de empréstimo só até o fim de junho

Hernanes veio para salvar o Tricolor do maior vexame da história do clube, o rebaixamento. O profeta prometeu e cumpriu, o time está matematicamente fora de risco de cair para a série B. Agora é a hora de pensar em 2018, e a diretoria colocou como prioridade manter o jogador no elenco para a próxima temporada.

Porém, a situação é bem complicada, o meia veio para o Tricolor por empréstimo cedido pelo Hebei Fortune, da China, e tem contrato até junho do ano que vem e o clube sabe que é difícil os chineses aceitarem uma prorrogação do vínculo.

O São Paulo avalia estratégias para permanência de Hernanes, mas vê alguns “empecilhos” no caminho, como o bom relacionamento do empresário Joseph Lee com os chineses e a viabilidade econômica. A questão do dinheiro é a mais preocupante, já que adquirir os direitos econômicos do atleta é definitivamente algo fora da realidade. Há um valor não revelado estipulado em contrato para a compra.

O profeta já chegou a falar que a possibilidade de ficar no Tricolor sem ser por uma prorrogação do vínculo de empréstimo é bem pequena.

LEIA MAIS:
+ Lucas Pratto manda recado para a diretoria
+ Jucilei fala sobre permanência no São Paulo 

“Quando falei pensei mais no clube chinês, porque tenho dois anos de contrato lá. Seria algo improvável de acontecer, que eu com 33 anos (na próxima temporada) seja comprado por um valor alto. Então, acho muito difícil essa transação. A não ser que haja outro empréstimo. Enfim, aí não cabe a mim analisar essa questão. Mas quando falei foi pela dificuldade de transação com os chineses. Mas acho também que não acabou”, disse.

Além da questão do empréstimo, há também o salário do jogador, que é bem fora da realidade do São Paulo. O clube não tem como pagar o que ele recebe na China. Hoje, quem paga a maior parte, são os chineses, o Tricolor arca com um quarto do salário total.

Hernanes está feliz no clube, mas é fato que há um caminho bem longo para fazer o meia ficar além de junho de 2018. Ele tem nove gols e três assistências na equipe.

Foto: Divulgacão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *