in

Tricolor tem ampla vantagem sobre o rival das oitavas

Ceni marcou um dos golos na última vitória do tricolor contra a Raposa

São 72 jogos na história, sendo 34 vitórias do Soberano, 21 empates e 17 derrotas

Se o retrospecto for levado em consideração, nós temos grandes chances de passar pelo Cruzeiro nas oitavas de final da Taça Libertadores da América. A história dos confrontos mostra ampla vantagem do Tricolor.

HETC: TELÊ SANTANA

Até agora, São Paulo e Cruseiro se enfrentaram em 72 ocasiões, com os seguintes números: 34 vitórias do Tricolor, 21 empates e 17 derrotas,. Nós marcamos 104 gols e sofremos72. Se pegarmos apenas os últimos 20 confrontos, são 13 vitórias são-paulinas, quatro empates e apenas três triunfos cruzeirenses.

tabela15

Pela Taça Libertadores, será a terceira vez que as equipes farão um confronto eliminatório. Em 2009, o Cruzeiro levou a melhor, com duas vitórias (2×1 no Mineirão e 2×0 no Morumbi). No ano seguinte, foi a vez de o São Paulo eliminar o rival com dois triunfos (2×0 no Mineirão e 2×0 no Morumbi).

No Brasileirão do ano passado, nós protagonizamos junto com eles a briga pelo título nacional. No jogo primeiro turno, deu 1×1, com gols de Júlio Baptista para a Raposa e Antônio Carlos para o Tricolor. Jogo lá em Minas.

Na volta, no Morumbi, com 60 mil torcedores, o São Paulo levou a melhor, vencendo por 2×0, com gols de Ceni e Alan Kardec. Nesta partida Ganso deu um drible espetacular e foi premiado no fim do torneio. (veja vídeo abaixo).

https://www.youtube.com/watch?v=C2yB4GLh3R4

Os são-paulinos projetam um confronto bastante equilibrado mas acreditam que, se o time repetir o empenho mostrado diante do Corinthians, na vitória de quarta-feira, tem grande chance de garantir vaga nas quartas de final. O volante Souza, inclusive, comemorou o fato de a equipe enfrentar um rival brasileiro na próxima fase do torneio sul-americano.

– É uma equipe difícil, mas já conhecemos. Seria muito mais complicado pegar uma equipe estrangeira, pois não temos tanto conhecimento. Será um combate bom, assim como foi contra o Corinthians. Se jogarmos desta forma, conseguiremos vencer em casa e aí teremos boas chances de passar do Cruzeiro – afirmou o meio-campista.

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara