in

“Temos a obrigação de classificar”; Ceni fala sobre segundo jogo contra o Atlético-GO

Isabela Azine/AGIF

São Paulo larga atrás na busca da vaga para a grande final da Copa Sul-Americana

Rogério Ceni não poupou críticas à sua equipe depois da derrota de 3 a 1 para o Atlético-GO no jogo de ida da semifinal da Copa Sul-Americana, nesta quinta-feira, no Serra Dourada. Depois do jogo, o treinador classificou a atuação como “péssima” e avisou: classificar à final é obrigação.

“Não tem mais motivação, é obrigação. Tem que ganhar. Pela péssima partida de hoje, se tornou uma obrigação a gente classificar o São Paulo. A motivação é a torcida, com 60 mil no Morumbi. É pressionar desde o início. Se a gente criar o tanto que criamos contra os outros times, exceto hoje, a gente tem chance. A gente tem que dar oportunidade de os atacantes fazerem os gols. Ponto final. A gente tem a obrigação de classificar”, falou.

E completou: “Qualquer expulsão é preponderante. A gente já tinha vivido isso com a (Universidad) Católica. Foi um dos piores jogos individualmente falando. No 11 contra 11, a gente estava bem. Sofremos o gol, Luciano empata e tem a expulsão do Igor.”

E finalizou: “Quando você joga sob vaias, é complicado. O lance independe disso, foi um erro dele, já tinha o amarelo e não podia ter dado o carrinho. De resto, pode ser o psicológico, mas o lance crucial não tem a ver. Infelizmente, ele cometeu um erro, igual todos nós já cometemos na carreira. O jogo ficou mais complicado depois disso. O intuito agora é como virar o jogo no Morumbi. Temos condições, e nosso foco hoje é isso.”

Para ir à final da Sul-Americana, o São Paulo precisará vencer o Atlético-GO na partida de volta: ou por dois gols de diferença para levar a disputa aos pênaltis, ou por pelo menos três para resolver no tempo normal.

Foto: Isabela Azine/AGIF
Por: Globoesporte.com

O que achou?

-1 pontos
Upvote Downvote

Escrito por Natália Milreu