São Paulo costuma se dar bem jogando pela manhã

O São Paulo está invicto em partidas diurnas no campeonato brasileiro desde 2015. Até aqui, foram quatro vitórias e um empate

Parece que jogar às 11h não é ruim para o Tricolor. A competição nacional adotou o horário pela manhã no ano de 2015, e desde então, o clube do Morumbi já jogou cinco vezes nesse período. E os resultados foram bons, quatro vitórias e um empate.

Dessas partidas, quatro foram dentro de casa e sempre com um bom público. O mesmo deve acontecer neste domingo, contra os gambás,  já que a torcida esgotou todos os ingressos disponíveis.

A estreia do São Paulo no horário pela manhã foi em 12 de julho de 2015. Em casa, o Mais Querido colocou 59.482 torcedores, número que ainda não foi batido na edição deste ano. Nesse jogo, ganhamos por 3 a 1 do Coritiba, com gols e tive de Alexandre Pato (2) e Centurión, o técnico na época era Juan Carlos Osorio.

Em 2016, o Tricolor jogou três vezes nesse horário. A primeira partida foi na abertura do Brasileirão, em 15 de maio. O técnico era Edgardo Bauza, que escalou um time reserva pois estávamos disputando a Libertadores (que saudades!). O  jogo foi no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), teve 12.295 pagantes, e o placar foi 1 a 0 sobre o Botafogo, com um gol de Lucas Fernandes. A segunda vez foi em 31 de julho, o São Pauloteve um grande público, de 54.996 pessoas viram o time empatar por 2 a 2 com a Chapecoense. O resultado foi sofrido, já que o time catarinense saiu na frente em 2 x 0 e tivemos que buscar o resultado. O técnico ainda era o Bauza.

A terceira partida do time nesse horário em 2016 foi disputado em 11 de setembro e registrou o pior público do Morumbi em jogos neste horário: 27.365 torcedores. O Tricolor venceu o Figueirense por 3 a 1, com gols de Chávez, Cueva e Kelvin.

Em 2017, no dia 13 de agosto, com Dorival Júnior no comando do São Paulo, o time entrou em campo na zona do rebaixamento, e precisava mais do que nunca de uma vitória dentro de casa. A equipe pode contar com 56.052 torcedores empurrando o time para a vitória de virada contra o Cruzeiro por 3 a 2. O Profeta marcou um gol de falta e um de pênalti, além de ter dado a assistência para Arboleda marcar.

Ainda em 2017, o São Paulo encarou o Corinthians no Morumbi e ficou no empate em 1 a 1, com um público de 61.142 mil pagantes. O maior público do Tricolor em jogos matutinos.

Em 26 de agosto do ano passado, quando o Tricolor ainda liderava o Brasileirão. Bruno Peres marcou o gol da vitória e fez a alegria de 57.323 torcedores.

Já este ano, no dia 19 de maio, pelo Brasileirão, Toró foi expulso após consulta do árbitro ao VAR e o Tricolor Paulista não saiu do zero com o Tricolor Baiano diante de 44.640 torcedores.


JOGO 1: São Paulo 3 x 1 Coritiba – 59.482 pagantes
JOGO 2: Botafogo 0 x 1 São Paulo12.295 pagantes
JOGO 3: São Paulo 2 x 2 Chapecoense – 59.996 pagantes
JOGO 4: São Paulo 3 x 1 Figueirense – 27.365 pagantes
JOGO 5: São Paulo 3 x 2 Cruzeiro – 56.052 pagantes
JOGO 6: São Paulo 1 x 1 Corinthians – 61.142 pagantes
JOGO 7: São Paulo 1 x 0 Ceará – 57.323 pagantes
JOGO 8: São Paulo
0 x 0 Bahia –
44.640 pagantes

Foto: Divulgação

One thought on “São Paulo costuma se dar bem jogando pela manhã

  1. “O mesmo deve acontecer neste domingo, contra os gambás, já que a torcida esgotou todos os ingressos disponíveis.”

    Neste domingo contra os gambás? Não entendi. O jogo é sábado contra o Grêmio… Esgotamos os ingressos já?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *