São-paulinos falam sobre Cueva

Treinador e jogadores perdoam o peruano, que voltou a jogar pelo Tricolor após ficar três partidas afastado

Após a vitória do São Paulo contra o Botafogo-SP, no Morumbi nesta tarde de sábado, o assunto foi só um: Cueva!

O peruano voltou aos gramados após ficar afastado por três jogos, por conta de mau comportamento. O técnico Dorival Júnior e o elenco garantiram que já está tudo bem entre eles e o camisa 10 do Tricolor. Veja o que eles falaram:

TÉCNICO DORIVAL JÚNIOR

Não tenho dúvidas de que foi perdoado. Todos erramos, o importante é reconhecer e ter a responsabilidade de não cometer os mesmos erros e manter postura exigida para a profissão.

Diante desse cenário, o diretor-executivo de futebol Raí teve uma conversa com o atleta e prometeu só disponibilizá-lo novamente quando estivesse comprometido com a equipe, o que aconteceu na última sexta-feira. “A diretoria foi correta, Cueva sabe mais do que ninguém como as decisões foram acertadas, serve como exemplo. Que fique tranquilo e volte a jogar nas melhores condições, focado na equipe, como sabe fazer bem.

CAPITÃO PETROS

Jogador importantíssimo, sabe que errou, mas teve a humildade de assumir e trabalhar.

Só assim vai reconquistar a confiança da torcida. É um grande jogador, precisamos muito dele. Faz parte totalmente do grupo, se desculpou com o torcedor e treinador, foi um belo gesto.

VOLANTE JUCILEI

Falei para ele concentrar e fazer o gol. É um jogador com muita personalidade, que bom que ele fez o gol para acalmar o zum-zum-zum.

Poucos no Brasil têm a qualidade do Cueva. Ele querendo ajudar, sem comentários. Está focado, ano de Copa, tem de estar motivado. Só assim fará uma boa Copa. Conversamos bastante, o elenco abraçou, e as coisas vão fluir bem. Conversamos, ele sabe que errou, mas tem coração bom. Agiu na emoção, quase se prejudicou, mas, agora está focado

Foto: Paulo Pinto/saopaulofc.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *