in

San Lorenzo ganha de virada e assume o 2° lugar

Vitória do San Lorenzo sobre o Danubio complica uruguaios e o São Paulo na chave

Graças a um gol, a situação para o tricolor não esteve das piores na Taça Libertadores. Mas outro tento, logo em seguida e da mesma equipe, trouxe uma dura realidade ao São Paulo, que ocupa a última posição do Grupo 2 e mais distante da zona de classificação, já que o San Lorenzo venceu por 2 a 1 o Danubio jogando no Uruguai.

Depois de marcar um gol bem no começo do confronto, mais precisamente aos 10 minutos com o camisa 9 Castro, os uruguaios se limitaram a jogar o tempo todo atrás da linha da bola e não se acanhavam em dar chutões quando necessário, esperando um contra-ataque para ampliar o marcador.

+ Elenco chama a responsabilidade

Porém, na segunda etapa, as coisas foram ficando cada vez mais complicadas, já que o San Lorenzo foi aos poucos encurralando os anfitriões. E, de tanto insistirem, os atuais campeões do torneio aproveitaram duas chances em sequência para virarem o jogo.

Aos 41 minutos, o atacante Matos aproveitou um bate rebate na zaga e encheu o pé, empatando o duelo. Dois minutos depois, o zagueiro Cetto estava atento a um desvio na zaga do Danubio e testou pras redes, garantindo os três pontos para os argentinos.

Agora, o SCCP é o primeiro com três pontos e dois gols de saldo, seguido pelo San Lorenzo, que tem um gol de saldo. Danubio e o Soberano completam a classificação da chave.

O que achou?