Home > Destaques > Rodrigo Caio diz que está chegando a sua hora de deixar o Tricolor

Rodrigo Caio diz que está chegando a sua hora de deixar o Tricolor

O zagueiro falou que sente que o seu momento de deixar o clube está perto. “O meu relacionamento com a torcida é amor e ódio. Não tem meio termo.”

Em entrevista para à “ESPN Brasil”, o zagueiro Rodrigo Caio fez uma declaração sobre o seu futuro no São Paulo.

Para o camisa 3 do Tricolor, a hora de deixar o clube está chegando, pois é nítido que ele precisa de novos ares na carreira.

“Pode ser nessa janela, sim, mas não tem como a gente ter certeza, porque nem abriu a janela. Não tenho nada concreto, mas cada vez mais está chegando a hora de sair (do São Paulo), de procurar novos ares, isso é nítido”, declarou.

Rodrigo Caio ainda falou sobre o seu relacionamento com a torcida, que é de amor e ódio, a cada jogo que passa.

“O que aconteceu com o Rogério Ceni é muito raro e muito difícil (ser repetido). O meu relacionamento com a torcida (do São Paulo) é amor e ódio. Uns me amam e outros me odeiam. Não tem meio termo.”

Em 2015, ele chegou a ser negociado com o Valência por R$ 44 milhões, mas o clube espanhol desitiu da contratação por questões médicas e contratuais. Ele tinha um histórico de cirurgia nos dois joelhos.

LEIA MAIS:
+ Com restrições, Carneiro segue sem previsão de estreia 
+ Éverton diz confiar na classificação

Cria das categorias de base, o defensor faz neste ano sua oitava temporada no profissional do Tricolor. Em 2016, faturou o ouro com a seleção brasileira nos Jogos Olímpicos do Rio e foi presença constante nas convocações do técnico Tite para a Seleção principal.

O relacionamento com a torcida, ficou ainda mais estremecido quando o zagueiro se envolveu no episódio de fair play com o jogador Jô, que estava no time de Itaquera, na semifinal do Paulistão 2017.

Foto: Divulgação