in ,

Relato do jogo: São Paulo 1×0 Inter

Sara marca logo aos quatro minutos de jogo e Tricolor sai de campo com a vitória

O São Paulo venceu o Internacional por 1 a 0, na noite deste domingo (31), no Morumbi, em jogo válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol do Tricolor foi marcado por Gabriel Sara, logo aos cinco minutos da primeira etapa.

Como fica?

Com o resultado, o clube do Morumbi pulou para a 11ª colocação, com 37  pontos e já sonha com uma vaga na Libertadores.

Próximo jogo:

Na próxima rodada, o São Paulo enfrenta o Bahia, no próximo domingo (07), às 18h15, na Fonte Nova.

O JOGO

A PARTIDA MAL COMEÇOU E O TRICOLOR JÁ ABRIU O PLACAR
O jogo começou com o São Paulo partindo para cima do Internacional, muito por conta da torcida, que compareceu em bom número no Morumbi. Na primeira finalização, saiu o gol do Tricolor. Aos cinco minutos, Reinaldo recebeu de Léo na esquerda e achou Gabriel Sara na entrada da área. A bola saiu rápida, mas o meia conseguiu adiantar de Rodrigo Lindoso e bater na saída de Marcelo Lomba. O chute ainda bateu na trave antes de entrar.

Logo depois, aos dez, quase o segundo do São Paulo e de Sara. Reinaldo cruzou na entrada da pequena área, e o meia subiu bem para cabecear firme. O cabeceio saiu pela linha de fundo levando perigo ao gol do Inter.

PRESSÃO DO SÃO PAULO CONTINUA NO MORUMBI
​Conforme o jogo acontecia, o São Paulo ainda levava mais perigo ao gol do Inter, que não conseguia passar do meio-campo. Aos 12, no contra-ataque, Rigoni recebeu o lançamento na esquerda, passou por Bruno Méndez na beirada da área e bateu cruzado. A bola passou tirando tinta da trave de Lomba.

Com 14 minutos, Igor Gomes ficou com a sobra na entrada da área e finalizou com perigo de direita. O chute saiu pela linha de fundo.

INTERNACIONAL RESPONDE E ACERTA O TRAVESSÃO
O São Paulo baixou a pressão que exercia no Internacional e permitiu o Colorado tocar mais a bola no campo de ataque.

Em uma dessas investidas, aos 30 minutos, Rodrigo Lindoso pegou a bola no meio e foi avançando na intermediária. A defesa deu espaço e ele soltou a bomba de perna direita. A bola explodiu no travessão de Volpi.

SÃO PAULO PERDE BOAS CHANCES ANTES DO INTERVALO
Apesar do crescimento do Inter, o primeiro tempo teve a tônica do São Paulo. Aos 37, Rigoni bateu falta perigosa na barreira. Na última chance antes do intervalo, com 41 minutos, o atacante argentino recebeu bola em profundidade, chegou na entrada da área e tentou o toque para encobrir Lomba. O camisa 77 bateu mal, e o goleiro ficou com a bola com tranquilidade.

​SEGUNDO TEMPO COMEÇA COM OS DOIS TIMES CRIANDO CHANCES
​A etapa final iniciou com o Internacional buscando mais o setor ofensivo. Aos seis, Edenílson lançou Caio Vidal, mas o atacante não alcançou a bola. Um minuto depois, o próprio Edenílson arriscou de fora da área, mas mandou por cima da meta de Volpi.

Depois, foi a vez do São Paulo responder. Com nove minutos, Reinaldo fez boa jogada na esquerda, na linha de fundo, passou por Saravia e cruzou na medida para Igor Gomes. O meia chegou batendo de primeira, mas mandou para fora, assustando o goleiro Marcelo Lomba.

INTERNACIONAL PASSA A ASSUSTAR O SÃO PAULO
Após o ímpeto inicial do segundo tempo, a partida caiu de produção com as duas equipes errando muitos passes. Chance de gol mesmo somente aos 23 minutos e para o Internacional. Gustavo Maia recebeu na beirada da área, puxou para a direita e bateu colocado. A bola passou perto do canto esquerdo do gol de Volpi.

O Inter continuou no ataque. Com 29 minutos, Miranda cortou cruzamento na área do São Paulo, e Edenílson apareceu na sobra para chutar de primeira. A bola passou com perigo ao lado da meta são-paulina.

SÃO PAULO TAMBÉM LEVA PERIGO AO INTERNACIONAL
Em vantagem no placar, o São Paulo quase aumentou aos 33. Gabriel Sara recebeu a bola ajeitada de Maquinhos na entrada da área, mas chutou fraco no canto do gol de Lomba, que desviou para fora. Um minuto depois, Léo recebeu o cruzamento da direita e desviou de cabeça. Marcelo Lomba encaixou a bola.

Não parou por aí. Aos 37, Benítez ficou com a sobra na entrada da área, após cruzamento rasteiro afastado pela zaga do Inter, mas na hora de chutar pegou mal e mandou por cima.

INTER PRESSIONA NO FINAL DA PARTIDA
Buscando o empate, o Internacional se jogou ao ataque, apostando nos cruzamentos para a área. No entanto, a zaga são-paulina conseguia afastar o perigo.

Foto: Marcello Zambrana/AGIF

O que achou?

Escrito por Natália Milreu