Home > Destaques > Reformulação no Tricolor pode começar com a saída de Valdívida

Reformulação no Tricolor pode começar com a saída de Valdívida

Após receber uma proposta da Arábia Saudita, Valdívia deixou o Tricolor e com isso o clube inicia uma reformulação no elenco de Diego Aguirre

Nesta semana, Valdívia recebeu uma proposta da Arábia Saudita que o fez deixar o Tricolor após poucos meses no clube. Com isso, o São Paulo dará início a reformulação, prevista no clube, para ser colocada em prática na parada do Brasileirão para a Copa do Mundo.

O esperado é que o Tricolor perca até seis jogadores e contrate ao menos três reforços.

Com a saída de Valdívia, o clube economizará cerca de R$ 1,8 milhão com salários. A diretoria vê nesse valor a possibilidade de contratar algum outro jogador, que já estava nos planos desde a saída de Marcos Guilherme e, junto com a comissão técnica, analisa o mercado atrás de opções. 

Outra parte que está nos planos da reformulação é a venda de jogadores, nesta lista entra  Rodrigo Caio e Cueva. Os dois são os mais cotados para deixar o São Paulo na próxima janela.

Éder Militão também pode sair, mas nesse caso o Tricolor corre o risco de ficar sem nada. O jogador tem contrato até janeiro de 2019, e a diretoria não recebeu resposta à proposta de renovação.

Júnior Tavares também recebeu sondagens para sair, porém só de , times nacionais, mas a diretoria são-paulina quer vendê-lo para fora do país.

E mais: alguns jogadores que subiram da base este ano podem ser emprestados para ganhar ritmo de jogo.

Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net