Home > Destaques > Organizada do São Paulo protesta nas redes sociais e pede reforços

Organizada do São Paulo protesta nas redes sociais e pede reforços

A Independente, principal organizada do São Paulo, protestou nas redes sociais após o fim do Brasileirão. No manifesto eles pedem reforços e criticam o Leco

Mais um ano se passou e o São Paulo não conquistou títulos. Leco e companhia cada ano que passa estão fazendo uma lambança só no comando de um clube tão vitorioso como o Tricolor. 

Depois dessa péssima temporada, bem melhor do que em 2017, óbvio, pois terminamos em quinto lugar no Brasileirão e nos classificamos para a pré-libertadores. Mas ainda está bem longe do patamar que um clube tricampeão mundial merece.

A Independente, principal organizada do São Paulo fez um manifesto em suas redes sociais após o encerramento oficial da temporada. Diferente de outros protestos, dessa vez o Leco é citado, mas todos nós sabemos que isso é até o cheque do carnaval cair. 

Além do presidente, a organizada cita 10 jogadores, são eles: Sidão, Araruna, Rodrigo Caio, Anderson Martins, Edimar, Hudson, Jucilei, Nenê, Shaylon (este promovido no último ano da base) e Diego Souza.

Dessa lista, concordamos que Sidão, Rodrigo Caio, Edimar, Nene e sua panela devem sair sim, de resto, não dá pra mandar embora todo mundo, os outros podem compor elenco, e Diego Souza foi o artilheiro da equipe nesta temporada, se não fosse por muitos gols dele, não estaríamos em quinto lugar. 

A Torcida também cobrou a saída de membros do departamento de futebol. Entre eles o advogado Alexandre Pássaro, que é gerente do setor, e Ricardo Rocha, que já saiu do clube e foi para o Criciúma (?). 

Em seu protesto, a torcida também exige a vinda de jogadores de peso e identificados com o clube: “Queremos jogadores que tiveram identidade, Calleri, Pato, Hernanes ou mesmo nível. Se virem. Libertadores não é pra passar vergonha.”

Veja a mensagem completa abaixo: 

“As exigências !!!

Atenção presidente Leco , imprima e leve pra sua sala na presidência (no Morumbi, chega de passeio todo dia no CT, o salário é pra trabalhar):

1) Goleiro nível SPFC

2) Fora Sidão, Araruna, Rodrigo Caio, Anderson Martins, Edimar, Hudson, Jucilei, Nenê e sua patifaria, Shaylon, Diego Souza e sua panelinha.

2) Fora Alexandre Pássaro palmeirense

3) Fora depto de desempenho gambá

4) Fora Ricardo Rocha

5) Fora depto médico estagnado

6) Fora Reffis ultrapassado

7) Queremos jogadores que tiveram identidade, Calleri, Pato, Hernanes ou mesmo nível. Se virem. Libertadores não é pra passar vergonha.

8) Temos fechamento com Jardine e molecada boa de bola, mas precisam de reforços de nível pra juntar com eles.

9) Raí e Lugano, fracassaram. Última chance dada pra acertar.

10) Muricy dizia “quero todo mundo estressado. Quem estiver tranquilo mando pra casa dormir”. Isto é SPFC. Não esses vagabundos em todos setores do clube.

2019 já começou. Vamos cobrar essa lista.

A Diretoria”

Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press