in

Muricy pede ambiente de mais união no São Paulo

Treinador assume que clima não é legal e frisa necessidade de apoio da torcida

A entrevista coletiva concedida pelo técnico Muricy Ramalho após a vitória contra o São Bento se demonstrou bem mais esclarecedora com relação ao que se passa no ambiente do elenco. Inicialmente, Muricy já alertou para a necessidade de uma maior união entre todos os integrantes do clube, quase como um recado para os críticos internos:

“Nesse momento é o momento de dar força pros atletas, treinar os jogadores, descansar alguns para esse jogo (San Lorenzo-ARG) que é tão importante e ter uma união maior aqui dentro, que é fundamental. Não adianta no futebol se você tem um baita time se você não tiver uma união como por exemplo a gente teve no ano passado, era um ambiente praticamente blindado o CT. Hoje está muito aberto.”

+ Ceni: “Precisa ter colhão”

Com a continuidade da resposta, o comandante tricolor deixou ainda mais claro que o direcionamento da sua visão era em relação aos dirigentes e não aos atletas ou qualquer integrante da comissão técnica:

“Eu acho que a gente está um pouco dividido, a verdade é essa e a gente não pode ficar escondendo, acontece isso.”

O treinador falou também da ciência de todos que a equipe precisa melhorar e ressaltou que o apoio da torcida será muito importante em um momento decisivo para o Soberano:

“Nós da comissão técnica e os jogadores sabemos que temos que melhorar muito. O importante agora é se dedicar, a torcida abraçar, isso vai ser fundamental a torcida abraçar o time porque a gente precisa disso. Já demonstraram várias vezes, quando a gente esteve pra cair (2013) a torcida nos trouxe de volta. Então ela tem que voltar pra ajudar a gente a classificar (na Libertadores). E é assim, em um torneio de mata-mata se você passa por um grupo importante como esse você volta a ter chances.”

O que achou?