Home > Destaques > Morumbi passará por reformas para a Copa América

Morumbi passará por reformas para a Copa América

O Morumbi foi escolhido pela Conmebol como palco do jogo de abertura da Copa América de 2019, por isso, o estádio passará por algumas mudanças. Veja

Escolhido como o estádio que vai ser palco do jogo de abertura da Copa América de 2019, o Morumbi passará por algumas mudanças e modernizações. 

O São Paulo agora dará sequência ao cronograma de obras entregue à Conmebol anteriormente. O objetivo é modernizar o estádio e torná-lo apto em termos de infraestrutura para atender as normas da entidade.

Veja todas as reformar que o Morumbi irá passar: 

Vestiários: Passarão por uma ampliação. 

Túnel de acesso ao gramado: Atualmente, os times sobem ao campo por túneis diferentes que desembocam atrás de um dos gols. Com a reforma, que será bancada pela Ambev, será construído um único túnel de acesso ao gramado para que as equipes subam juntas.  

Centro de imprensa: Será realocado para o estacionamento do estádio, uma vez que o local em que os jornalistas trabalham atualmente não comporta a demanda de profissionais que irão fazer a cobertura do jogo inaugural da Copa América 2019. As tribunas de imprensa escrita e de rádio, localizadas no anel das numeradas, serão ampliadas. A estrutura de cabos de internet também terá de ser otimizada a fim de atender um número maior de profissionais do que o habitual.

Instalação do VAR (árbitro de vídeo): O clube utilizará a atual sala de audiovisual do estádio, que já tem boa parte da estrutura montada, para receber a equipe de árbitros capacitados para usar o recurso tecnológico.

Sistema de iluminação: Passará por uma troca. O São Paulo arcará com a compra e instalação das lâmpadas de LED (provavelmente da Philips), mais econômicas e de maior duração. Com isso, o clube espera reduzir em até 30% os gastos com a iluminação. A expectativa é de que a montagem seja realizada entre dezembro e janeiro, ficando pronta para a estreia no Campeonato Paulista.

Telões: O Tricolor prevê a instalação de dois telões até fevereiro. No momento, o clube negocia com três empresas, entre elas uma sul-coreana e outra nacional. Há ainda um estudo de viabilização para inserir painéis multimídia no estádio, condicionados à captação de parceiros para custear a implementação do sistema.

Foto: Marcos Ribolli
Fonte: Gazeta Esportiva