Mais uma chance dos Deuses da bola

Uma análise sobre o período decisivo do Tricolor agora em setembro e que a conspiração do Deuses da Bola, realmente aconteça

Analisando a tabela do Brasileirinho (sim, com uma campanha desta, nunca eu chamaria este campeonato no aumentativo), antes do jogo deste sábado contra a Macaca e projetando as próximas duas finais que o nosso Mais Querido terá pela frente, pensei em algo que acredito ser uma conspiração do universo da bola para que realmente, não sejamos rebaixados.

Ao longo de qualquer trajetória – vitoriosa ou não – de um clube em um determinado campeonato, apesar de todos os jogos valerem 3 pontos, a campanha fica marcada por esse ou aquele jogo, é simples e fácil de exemplificar, aquela vitória tricolor, sobre o River, tanto no Morumbi, quanto na terra dos Hermanos, em 2005, mostrou que o time estava pronto pra ser campeão daquela Libertadores, pra mim, o jogo mais importante que a final, isso sem falar de um 1 x 0 “magro” em plena Vila Belmiro em 2006, com o gol do mesmo Mineiro que um ano antes nos dava o tri-mundial, valeu para dar moral ao time e colaborou com o carimbo do primeiro brasileiro tricolor dos anos 2000.

E aqui, citaríamos jogos e mais jogos, dentro da rica e vitoriosa história vermelha, branca e preta.

Mas, como disse, isso não se encaixa apenas nas trajetórias vitoriosas, esses marcos também aparecem nos revezes, e também podem entrar para uma parte negra da história de um clube…

Ao longo deste campeonato, tivemos vários exemplos desses jogos em que tínhamos tudo para elegermos como o marco para uma arrancada, mas que podem ser, infelizmente, o marco para a derrocada, e entre eles, os jogos em casa, contra o time vermelho e preto de Goiânia, e os coxas brancas, de Curitiba.

Mas, o futebol é cíclico, e, ao longo de um campeonato, tão longo quanto é o Brasileirinho, as chances podem aparecer novamente, já que não aproveitamos as duas primeiras como citei acima, parece que os deuses do futebol entendem e reconhecem a grandeza do nosso tricolor, e preparam aqui mais algumas oportunidades para agarrarmos.

A oportunidade de definirmos os marcos da arrancada, rumo a dias melhores, começa neste sábado, contra o time de Campinas, passa por Salvador e termina no Morumbi, ao final deste decisivo mês de setembro.

Mês que, matematicamente, ainda não define a situação o tricolor no Brasileirinho, mas que moralmente, acredito ser o que traçará nosso rumo no campeonato, são estes 3 jogos que na minha opinião, definirão o nosso rumo, o nosso final de campeonato, sete pontos, no mínimo, são fundamentais, matematicamente e moralmente.

A oportunidade é agora, tricolor!

As chances estão nos sendo dadas novamente, está na hora de agarramos e escolhermos qual o marco que queremos para nossa campanha, de quais jogos iremos lembrar aqui ao falarmos de nossa história ao final deste ano…

Que os deuses, além das chances dadas, nos ajudem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *