Home > Destaques > Jogadores revelados pelo Tricolor que disputaram a Copa

Jogadores revelados pelo Tricolor que disputaram a Copa

Atrás de time carioca, o São Paulo é o segundo clube que mais revelou atletas para a Seleção Brasileira disputar a Copa do Mundo

Confira aqui as participações de jogadores revelados pelo São Paulo que foram às copas e em quais times eles estavam quando foram convocados para defender a seleção.

Para evitar confusões, o clube que revelou o atleta convocado foi aquele que deu ao jogador a oportunidade de fazer o primeiro jogo da carreira dele em uma competição profissional oficial. 

Por isso, um exemplo: Rogério Ceni não é considerado como jogador revelado pelo São Paulo, pois, mesmo como amador, participou do Campeonato Matogrossense de Futebol Profissional de 1990, pelo Sinop (e foi campeão). Ainda que, nos três anos seguintes, tenha defendido o Tricolor nas categorias de base e só se profissionalizado em 1993. 

SELEÇÃO BRASILEIRA

Vamos a lista completa de jogadores revelados pelo Tricolor que disputaram uma Copa do Mundo pela Seleção Brasileira:

Ano Jogador Clube na convocação Sit.
1950 Bauer (José Carlos Bauer) São Paulo-SP (P)
1954 Bauer (José Carlos Bauer) São Paulo-SP (P)
1954 Mauro (Mauro Ramos de Oliveira) São Paulo-SP (P)
1958 Mauro (Mauro Ramos de Oliveira) São Paulo-SP (P)
1962 Mauro (Mauro Ramos de Oliveira) Santos-SP (P)
1966 Silva (Wálter Machado Silva) Flamengo-RJ (P)
1978 Zé Sérgio (José Sérgio Presti) São Paulo-SP (P)
1982 Serginho Chulapa (Sérgio Bernardino) São Paulo-SP (P)
1986 Müller (Luiz Antônio Corrêa da Costa) São Paulo-SP (P)
1986 Silas (Paulo Silas do Prado Pereira) São Paulo-SP (P)
1990 Silas (Paulo Silas do Prado Pereira) Sporting Lisboa-POR (P)
1990 Müller (Luiz Antônio Corrêa da Costa) Torino-ITA (P)
1994 Ronaldão (Ronaldo Rodrigues de Jesus) Shimizu S-Pulse-JAP (P)
1994 Cafu (Marcos Evangelista de Moraes) São Paulo-SP (P)
1994 Müller (Luiz Antônio Corrêa da Costa) São Paulo-SP (P)
1998 Cafu (Marcos Evangelista de Moraes) Roma-ITA (P)
1998 Doriva (Dorival Guidoni Junior) Porto-POR (P)
1998 Denílson (Denílson de Oliveira) São Paulo-SP (P)
2002 Cafu (Marcos Evangelista de Moraes) Roma-ITA (P)
2002 Denílson (Denílson de Oliveira) Betis-ESP (P)
2002 Kaká (Ricardo Izecson dos Santos Leite) São Paulo-SP (P)
2006 Cafu (Marcos Evangelista de Moraes) Milan-ITA (P)
2006 Kaká (Ricardo Izecson dos Santos Leite) Milan-ITA (P)
2010 Kaká (Ricardo Izecson dos Santos Leite) Real Madrid-ESP (P)
2010 Júlio Baptista (Júlio César Baptista) Roma-ITA (P)
2014 Oscar (Oscar dos Santos Emboaba Júnior) Chelsea-ING (P)
2014 Hernanes (Anderson H. de Carvalho V. Lima) Internazionale-ITA (P)
2018 Casemiro (Carlos Henrique Casimiro) Real Madrid-ESP (P)
1950 Savério (Savério Romano) São Paulo-SP (O)
1950 Teixeirinha (Elísio dos Santos Teixeira) São Paulo-SP (O)
1950 Mauro (Mauro Ramos de Oliveira) São Paulo-SP (OL)
1966 Roberto Dias (Roberto Dias Branco) São Paulo-SP (PL)
1974 Gilberto Sorriso (Gilberto Ferreira da Silva) São Paulo-SP (PL)
1974 Carbone (José Luís Carbone) Botafogo-RJ (PL)
1978 Serginho Chulapa (Sérgio Bernardino) São Paulo-SP (CP) 
1982 Zé Sérgio (José Sérgio Presti) São Paulo-SP (OL)
1986 Sídnei (Sídnei José Tobias) São Paulo-SP (PL)
2010 Diego Tardelli (Diego Tardelli Martins) Atlético-MG (PL)
2014 Lucas (Lucas Rodrigues Moura da Silva) Paris Saint-Germain-FRA (PL)
2018 Rodrigo Caio (Rodrigo Caio Coquette Russo) São Paulo-SP (PL)

P: participação efetiva
O: pré-convocatória
OL: pré-convocatória secundária
PL: convocação em pré-lista e lista de espera
C: corte 
CP: corte de pré-lista

Desta maneira, 28 vezes um atleta “revelado” pelo Tricolor foi para uma Copa do Mundo por intermédio da Seleção Brasileira. Ou ainda, resumindo, 16 jogadores:

Cafu (Marcos Evangelista de Moraes) 1994, 1998, 2002 e 2006
Kaká (Ricardo Izecson dos Santos Leite) 2002, 2006 e 2010
Mauro (Mauro Ramos de Oliveira) 1954, 1958 e 1962
Müller (Luiz Antônio Corrêa da Costa) 1986, 1990 e 1994
Bauer (José Carlos Bauer) 1950 e 1954
Denílson (Denílson de Oliveira) 1998 e 2002
Silas (Paulo Silas do Prado Pereira) 1986 e 1990
Casemiro (Carlos Henrique Casimiro) 2018
Doriva (Dorival Guidoni Junior) 1998
Hernanes (Anderson H. de Carvalho V. Lima) 2014
Júlio Baptista (Júlio César Baptista) 2010
Oscar (Oscar dos Santos Emboaba Júnior) 2014
Ronaldão (Ronaldo Rodrigues de Jesus) 1994
Serginho Chulapa (Sérgio Bernardino) 1982
Silva (Wálter Machado Silva) 1966
Zé Sérgio (José Sérgio Presti) 1978

Como se vê, o São Paulo só não teve um jogador revelado no clube disputando uma Copa do Mundo pelo Brasil nas edições de 1930, 1934, 1938, 1970 e 1974.

Já são 11 edições consecutivas com um atleta nessa categoria. A maior concentração de são-paulinos na Copa se viu nos anos de 1994, 1998 e 2002.

O ranking geral de clubes por vezes que atletas revelados serviram a Seleção Brasileira em participações na Copa do Mundo é o seguinte: 

  • 1º – Flamengo: 33 vezes
  • 2º – São Paulo: 28 vezes
  • 3º – Internacional: 22 vezes
  • 4º – Botafogo: 19 vezes
  • 4º – Santos: 19 vezes
  • 6º – Fluminense: 18 vezes
  • 7º – Vasco da Gama: 18 vezes
  • 8º – Corinthians: 15 vezes
  • 9º – América-RJ: 14 vezes
  • 10º – Cruzeiro: 12 vezes
  • 11º – Bangu: 10 vezes
  • 11º – Grêmio: 10 vezes
  • 11º – Ponte Preta: 10 vezes
  • 11º – Vitória: 10 vezes
  • 15º – América-MG: 9 vezes
  • 15º – Guarani: 9 vezes
  • 15º – Portuguesa: 9 vezes
  • 18º – Americano: 8 vezes
  • 19º – Atlético-MG: 7 vezes
  • 19º – Palmeiras: 6 vezes

O ranking geral de clubes por atleta revelado a serviço da Seleção Brasileira em participações na Copa do Mundo:

  • 1º – Flamengo: 22 atletas
  • 2º – São Paulo: 16 atletas
  • 3º – Fluminense: 13 atletas
  • 4º – Vasco da Gama: 12 atletas
  • 5º – Internacional: 11 atletas
  • 5º – Botafogo: 11 atletas
  • 5º – Santos: 11 atletas
  • 8º – Corinthians: 10 atletas
  • 9º – América-RJ: 9 atletas
  • 9º – Bangu: 9 atletas
  • 9º – Cruzeiro: 9 atletas
  • 12º – Guarani: 8 atletas
  • 13º – Grêmio: 6 atletas
  • 13º – Ponte Preta: 6 atletas
  • 13º – Vitória: 6 atletas
  • 13º – Portuguesa: 6 atletas
  • 13º – Americano: 6 atletas
  • 13º – Palmeiras: 6 atletas
  • 13º – Juventus: 6 atletas
  • 20º – Atlético-MG: 5 atletas
  • 20º – Botafogo-RP: 5 atletas

Número de edições de Copas do Mundo com jogadores revelados na Seleção Brasileira:

  • 1º – Flamengo: 17
  • 2º – São Paulo: 16
  • 3º – América-RJ: 12
  • 3º – Santos: 12
  • 5º – Fluminense: 11
  • 5º – Internacional: 11
  • 5º – Vasco da Gama: 11
  • 8º – Botafogo: 10
  • 8º – Corinthians: 10
  • 10º – América-MG: 8
  • 10º – Bangu: 8
  • 10º – Cruzeiro: 8
  • 10º – Guarani: 8
  • 14º – Grêmio: 7
  • 14º – Portuguesa: 7
  • 16º – Atlético-MG: 6
  • 16º – Botafogo-RP: 6
  • 16º – Juventus: 6
  • 16º – Palmeiras: 6
  • 16º – Vitória: 6

OUTRAS SELEÇÕES

Por fim, cabe dizer que o Tricolor não revelou apenas jogadores para a Seleção Brasileira. Na Copa do Mundo da França, em 1998, ocorreu um fato raro: Wagner Lopes, atleta das categorias de base são-paulinas, chegou ao mundial como atleta do Shon Bellmare e defendendo as cores azul e branca do Japão. 

Desta maneira, o São Paulo teve um atleta revelado pelo clube na principal competição do futebol em 29 oportunidades, totalizando 17 jogadores nessas ocasiões

Para comparação com os rankings acima ilustrados, vale ressaltar que Cruzeiro, Palmeiras, Grêmio e Portuguesa também tiveram um jogador revelado atuando em uma edição por outras seleções na Copa (além de alguns outros pequenos clubes, não citados). 

FONTE: saopaulofc.net