Home > Destaques > Jogadores da base não aceitam renovar com o São Paulo

Jogadores da base não aceitam renovar com o São Paulo

Quatro jogadores formados em Cotia não aceitaram renovar os seus contratos com o São Paulo e outros cinco estão com o vínculo chegando ao fim

Quatro jogadores #MadeInCotia não aceitaram renovar os seus contratos com o São Paulo. 

São eles: o lateral esquerdo Gabiga, o meia Vinícius Garcia, que tem contrato até 31/12/2018, e o volante Paulo Henrique e o meia Pedro Oliveira, ambos com vínculo até 31/01/2019).

Paulo Henrique chegou a subir para o profissional, quando o técnico da equipe ainda era Dorival Júnior. Mas com a troca de treinadores e o impasse em renovar o contrato, ficou jogando no sub-23 do Tricolor. 

Outros cinco garotos estão com a situação indefinida e chegando com o vínculo ao fim no Tricolor, são eles: os emprestados Guilherme Lima (contrato até 01/02/2019), Ceará e Raul Medeiros, com contratos até 31/12/2018, Foguete, também com contrato até 31/12/2018, e Guilherme Bissoli, com vínculo até 31/01/2019. 

Foto: Divulgação