in , ,

Hudson e Tréllez vivem últimos dias como jogadores do São Paulo

Trellez e Hudson no Morumbi. (Foto: Arquivo pessoal Hudson)

Contratos terminam no fim do ano e não serão renovados

O volante Hudson e o atacante Tréllez não terão seus contratos renovados com o São Paulo. Os vínculos da dupla se encerram no final deste mês, e os jogadores não estão nos planos para 2022.

Eles estiveram emprestados na última temporada e pouco fizeram em suas respectivas equipes. Pelo Fluminense, Hudson teve uma grave lesão no joelho e só disputou quatro partidas. O Flu vai prorrogar o contrato dele até o fim da recuperação, mas não permanecerá com o jogador.

Já Tréllez participou de 39 jogos pelo Sport e marcou apenas um gol. Na maioria das vezes, saiu do banco e não evitou a queda da equipe pernambucana para a Série B.

O colombiano foi contratado pelo São Paulo em 2018 após se destacar no Vitória. Em 2019, foi emprestado ao Internacional e retornou no ano seguinte, sem sucesso. Tréllez fica livre no mercado a partir do dia 1º de janeiro.

Tréllez em treino do São Paulo — Foto: Divulgação/São Paulo
Trellez, em treino do São Paulo — Foto: Divulgação/São Paulo

Já Hudson teve uma história mais longa no Tricolor paulista. O volante chegou ao clube em 2014 e se destacou nos seus primeiros anos. Em 2017, foi emprestado ao Cruzeiro.

Em 2018 e 2019, vestiu novamente a camisa do São Paulo, mas desde 2020 está emprestado ao Fluminense. O clube carioca estuda uma renovação de contrato com o jogador, que ficará livre após o vínculo encerrado com o São Paulo.

Em março de 2021, Hudson concedeu entrevista ao ge e se despediu do clube. Relembre aqui.

Hudson, em treino do São Paulo — Foto: Divulgação/São Paulo
Hudson, em treino do São Paulo — Foto: Divulgação/São Paulo

Foto de capa: Instagram do atleta Hudson
Por: Eduardo Rodrigues /GE

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara