História em Três Cores – Fabão

Quase ninguém o conhece como José Fábio Alves Azevedo, mas muita gente se lembrará de seus feitos no futebol se dissermos que seu apelido é Fabão

Nascido em Vera Cruz, na Bahia, no dia 15 de junho de 1976, Fabão atuava como zagueiro e deixou seu nome no futebol nacional e internacional.

fa1Revelado pelo Bahia, clube que lançou o atleta como profissional em 1996 com apenas 20 anos, Fabão logo despertou interesse dos demais clubes, principalmente do Flamengo. Contratado em outubro de 1998, o zagueiro defendeu o time por dois anos consecutivos.

Em 2000 teve sua primeira chance na Europa. Transferiu-se para o Betis na Espanha e depois para o Córdoba.

Retornou ao Brasil no primeiro semestre de 2002 vestindo a camisa do Goiás, onde foi destaque no Campeonato Brasileiro de 2003, ao lado de Josué, Danilo e Grafite.

Em 2004 os quatro jogadores foram transferidos juntos para o São Paulo.fa7

No São Paulo:

No tricolor paulista, ao lado de seus colegas ex-Goiás, Fabão viveu o melhor momento de sua carreira, conquistando em 2004 títulos importantes e logo no ano seguinte ganhou o Campeonato Paulista, a Libertadores da América e ainda o Mundial de Clubes contra o Liverpool (considerado favorito pela maioria dos espectadores e pela mídia).

Antes de se mudar para o futebol japonês, Fabão ainda conquistou mais um título para o tricolor em 2006, o Campeonato Brasileiro.

Após três anos no São Paulo, Fabão mudou-se para o Japão, atuando pelo Kashima Antlers em 2007.

fa2

fa

Depois do São Paulo:

Em janeiro de 2008, chegou ao Cepraf para se tratar de uma fratura no fíbula da perna direita e em fevereiro foi confirmado pelo técnico Emerson Leão na lista do SFC para a Copa Libertadores de 2008.No dia 12 de fevereiro assinou contrato de dois anos pelo clube sendo apresentado no dia seguinte.

No final de 2009, rescindiu seu contrato e em 2010 assinou com o Guarani para disputar o Campeonato Brasileiro de 2010.

fa5

No ano de 2011, transferiu-se para o Henan Jianye, da China.

Em 2012, acerta com o Comercial de Ribeirão Preto para a disputa do Campeonato Paulista. Pelo clube do interior, marcou um gol, contra o SCCP, partida empatada em 3 a 3, no Estádio Palma Travassos.

Para a temporada 2013, acerta com o Sobradinho. No ano de 2014, acerta com o Goianésia para a disputa da Série D do brasileirão.

Títulos

Bahia: Campeonato Baiano: 1998
Flamengo: Campeonato Carioca: 1999 e 2000 e Copa Mercosul: 1999
Goiás: Campeonato Goiano: 2003 e Copa Centro-Oeste: 2002
São Paulo: Campeonato Paulista, Copa Libertadores da América, Mundial de Clubes da FIFA em 2005 e Campeonato Brasileiro: 2006
Kashima Antlers: Copa do Imperador: 2007

Prêmios

  • Seleção do Campeonato Brasileiro: 2006
  • Seleção das Américas, pela El País: 2006
  • Bola de Prata da Revista Placar: 2003 e 2006

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *