História em Três Cores – Denílson

O homenageado desta semana é o habilidoso Denilson de Oliveira, nascido em Diadema, no dia 24 de Agosto de 1977

Denílson sempre gostou de jogar futebol. Desde pequeno, era seu esporte favorito. Com isso, ele começou no infantil do Esporte Clube Ouro Verde, na cidade de Diadema, mais especificamente no Jardim Campanário, local onde passou sua infância.

arq_130814Seu primeiro treinador no Ouro Verde, em 1988 foi José Batista Santos e ele falou sobre esse início no programa “terceiro tempo”:

“Ele era pequeno, não tinha camisa do tamanho dele, então a gente tinha que dobrar bastante a camisa para ele colocar por dentro do calção. Se deixasse por fora parecia um vestido. Mas mesmo “mirradinho” ele enfrentava os grandões e era difícil tirar a bola dele”.

No São Paulo:

1-denilson_e_aristizabalIniciou sua carreira profissional pelo São Paulo Futebol Clube em 1994, com apenas 17 anos de idade. Apareceu como ponteiro, habilidoso e driblador colocava medo nos defensores adversários. Seus lances de linha de fundo traziam sempre muito perigo. Permaneceu no tricolor  até 1998 , onde conquistou a Copa Conmebol 1994, o Campeonato Paulista de Futebol 1998 e a Copa dos Campeões Mundiais 1995 e 1996. 

denilson-treina-com-a-selecao-brasileira-na-copa-do-mundo-de-2002-1322140542140_956x500

Em 1998 o São Paulo vendeu Denilson para o Real Betis,  da Espanha, por 32 milhões de dólares, naquela época considerada a maior transação do futebol brasileiro com um clube do exterior. Hoje se encontra em quarto colocado Lista das transferências mais caras do futebol brasileiro.

denilson-bordon-e-rai-comemoram-gol-na-final-do-campeonato-paulista-de-1998-1329007912089_956x500

denilson

Depois do São Paulo:

Apesar do alto valor pago pelos espanhóis, e do começo promissor, Denílson não conseguiu repetir no Betis o mesmo desempenho que o tornou destaque da Copa das Confederações, foi reserva da Seleção Brasileira durante a Copa do Mundo de 1998, e acabou por ver seu clube rebaixado para a segunda divisão espanhola ao fim da temporada 1999/2000. Foi emprestado ao Flamengo para a disputa da Copa João Havelange em 2000 e retornou ao Betis no final do ano.

48406bz5axbopnv3hwzjq16ixDenílson permaneceu no Betis até 2005 e conquistou 3 títulos : Troféu Ramón de Carranza 1999/2001 e a Copa del Rey 2005.

Retornou a seleção brasileira durante a Copa América 2001 quando finalmente se destacou com Felipão, mesmo com a eliminação precoce para a seleção de Honduras. Esteve na Copa do Mundo de 2002, onde era reserva mas atuou em diversas partidas inclusive na final onde entrou no lugar de Ronaldo.

+ HISTÓRIA EM TRÊS CORES – FRANÇA
+ HISTÓRIA EM TRÊS CORES – LEONARDO

Ao final da temporada do Campeonato Espanhol de 2004/2005 o atleta foi negociado com o Bordeaux da França por um valor não divulgado. Ele fez uma boa temporada, mas sua passagem pelo clube durou apenas esta temporada, e no ano seguinte não teve seu contrato renovado.

27jun1998---atacante-denilson-em-acao-durante-a-vitoria-por-4-a-1-do-brasil-sobre-o-chile-pelas-oitavas-da-copa-do-mundo-1998-1366758465491_1920x1080

Surgiram, então, rumores de que o jogador pudesse ir jogar no Middlesbrough ou no Portsmouth, ambos da Inglaterra, entretanto, contrariando todas as especulações sobre seu futuro, em julho de 2006, Denílson acabou acertando sua transferência para o Al Nassr da Arábia Saudita.

1998_f_036Em Agosto de 2007 assinou com o Dallas dos Estados Unidos. Porém a jogada de marketing, de ir jogar nos EUA, a exemplo de Beckham, Romário e Pelé não deu certo para ele.

Na Maior League Soccer disputou somente onze partidas, tendo marcado apenas dois gols. Dálias rescindiu o contrato.

Rescindindo seu contrato com o Dallas, voltou ao Brasil e jogou pelo SEP. Foi dispensado pelo SEP e não escondeu a decepção da maneira que foi tratado pela diretoria do clube alviverde.

denilson Denilson Bradesco Esportes DSC08183_crop_galeria

Em janeiro de 2010, acertou com Kavala, da Grécia, seu último clube, onde atuou por dez partidas. Decidiu se aposentar pelos problemas no joelho.

Sempre bem humorado, bom comunicador e brincalhão, hoje participa de um programa de televisão como comentarista esportivo ao lado de Renata Fan.

Jogo-Aberto-Denilson-e-Renata-Fan

FICHA TÉCNICA:

Nome completo: Denílson de Oliveira
Data de nasc.: 24 de agosto de 1977 (39 anos)
Local de nasc.: Diadema, São Paulo (SP),  Brasil
Altura: 1,78 m
Pé: Canhoto
Apelido: Denílson Show
Posição: Ex-Meia Esquerda
Profissão atual: Comentarista esportivo

TÍTULOS CONQUISTADOS:

São Paulo:
Copa Conmebol: 1994, Copa Master da Conmebol: 1996 e Campeonato Paulista: 1998

Betis: Trofeo Ramón de Carranza: 1999, Trofeo Ramón de Carranza: 2001 e Copa del Rey: 2005

SEP: Campeonato Paulista: 2008

Seleção Brasileira: Copa América: 1997, Copa das Confederações: 1997 e Copa do Mundo: 2002

PRÊMIOS INDIVIDUAIS:

Melhor jogador da Copa das Confederações (FIFA): 1997, Seleção da Copa das Confederações (FIFA): 1997, Melhor atacante das Américas (El País): 1997, Seleção das das Américas ”'(El País)”’: 1997 e Seleção do Campeonato Paulista (FPF): 1998

FOTOS: Arquivo Pessoal, Terceiro Tempo, Bandeirantes, Globo Esporte.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *