Hernanes chama Ceni de lenda e diz: “O que ele fez ecoa no coração da torcida”

Autor do gol que deu a vitória para o São Paulo, Hernanes falou sobre o reencontro com Rogério Ceni, ex-companheiro de conquistas no Tricolor

Após a vitória do São Paulo contra o Fortaleza, Hernanes, autor do gol são-paulino, falou sobre a conquista dos três pontos e o reencontro com o ídolo Tricolor do Rogério Ceni e a homenagem que ele recebeu das duas torcidas. 

Foi um reencontro dos gigantes (risos). Duelo de titãs. Na realidade, é até chato eu ter estragado um pouco a festa. Mas, quando a bola rola, é cada um defendendo o seu lado, a sua bandeira”, disse. 

E completou: “A história que o Rogério teve no São Paulo é linda, e eu pude participar em alguns capítulos dela. E agora como treinador está fazendo um excelente trabalho no Fortaleza. Mas nós temos objetivos, fui chamado para jogar e tenho de fazer aquilo que eu sei“. 

“É muito bacana, eu fico feliz. É como eu pensava hoje, o Maximus (de “Gladiador) tem uma citação histórica: o que nós fazemos aqui ecoa para a eternidade. O que o Rogério fez no São Paulo e está fazendo no futebol vai ecoar para sempre nos corações dos torcedores e da gente, de modo geral. Parabéns ao Rogério por tudo o que fez. Monstro, legend “, falou. 

O gol deste domingo é o quarto do Profeta no ano, que se diz escravo do trabalho e feliz em poder trainar e trabalhar 100%. 

“Eu estou muito feliz, porque estou podendo trabalhar. Sou escravo, sou servo e filho do trabalho. Se não posso trabalhar, a minha energia cai muito. Estou feliz por poder trabalhar, e hoje pude entrar no segundo tempo e ajudar com a vitória”, completou. 

Foto: Reprodução TV