in

Em lances isolados, tricolor sai vitorioso em Campinas

Mesmo sem apresentar um grande futebol, reservas garantem mais uma vitória no Paulistão

Não foi o desempenho que os torcedores gostariam de ver levando em conta como é exaltada a força do elenco tricolor, porém os três pontos foram obtidos em Ponte Preta e São Paulo, em partida realizada no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

Desde o início explorando o lado direito do campo de ataque, as costas do ala improvisado Boschilia, não demorou para que os donos da casa abrissem o placar. Aos nove minutos, o lateral Rodnei fez o cruzamento e, após o cochilo de Auro na marcação, o meia Roni precisou abaixar a cabeça para testar a bola para o fundo da meta de Rogério Ceni.

Durante toda a primeira etapa, a equipe reserva do tricolor deixou evidente sua falta de entrosamento e as sérias dificuldades que tiveram em conter os avanços do time campineiro, que só não ampliou graças ao M1to e também aos constantes erros no passe final.

+ Vitória por goleada no futsal do Soberano

Na segunda etapa, a confiança em manter a vantagem no marcador e uma queda no rendimento favoreceram o tricolor, que começou a ter mais posse de bola e também ter suas jogadas articuladas por Boschilia, posicionado agora no meio campo e Lucão sendo o responsável pela marcação no lado esquerdo da defesa são-paulina. E a dedicação do São Paulo acabou recompensada.

Aos 25, após bola cortada pela defesa, Thiago Mendes cruzou em diagonal e o zagueiro Paulo Miranda, com estilo, acertou um bonito chute de primeira sem deixar a bola cair no chão, mandando no canto esquerdo do arqueiro João Carlos e empatando o confronto.

A partir daí, o time da Ponte tentou sair mais para o jogo, dando mais espaços para que o tricolor pudesse usar a sua velocidade, algo que aconteceu com 39 minutos.

O jovem e aniversariante Ewandro recebeu passe de outro atleta que está ficando mais velho hoje (Thiago Mendes), ganhou na corrida da marcação, invadiu a grande área pelo lado esquerdo e fez o cruzamento quase a meia altura e encontrando o peito de Alan Kardec, que mandou pras redes e deu números finais ao jogo.

O resultado coloca o São Paulo ainda mais isolado na liderança do grupo A, com 23 pontos. Já a Macaca segue na segunda posição do grupo B, com 18.

O que achou?