Home > Destaques > De saída do Tricolor

De saída do Tricolor

Gilberto e Denílson, que não seriam usados no último jogo da equipe, já foram liberados dos treinos e não jogam mais com a camisa do São Paulo

Nesta terça-feira, Gilberto e Denílson encerram seus vínculos com o Tricolor. Os jogadores não vão continuar na equipe para a temporada de 2018 e por isso já foram liberados dos treinos para o último jogo do time no Brasileirão, no Morumbi, neste domingo.

O atacante procurou a diretoria para falar sobre um problema familiar, e perguntou se seria usado na partida contra o Bahia. Já que ele ficaria fora, e nem foi relacionado para a vitória por 2 a 1 sobre o Coritiba, no Couto Pereira, ambas as partes conversaram e chegaram ao consenso para liberá-lo antecipadamente.

No meio do ano, a diretoria fez uma proposta para renovar com o atleta, mas Gilberto não aceitou. Ele fez 33 jogos e 13 gols. É o vice-artilheiro da equipe na temporada, atrás de Pratto, com 14 gols. Disponível no mercado, o atacante desperta o interesse do Botafogo, seu ex-clube e teve sondagens de times do México e de outros países do exterior.

O jogador postou um foto em sua rede social para se despedir do São Paulo. Confira:

O caso de Denílson é diferente, o jogador estava emprestado pelo Granada, da Espanha até o dim deste ano. Ele também não foi utilizado no jogo contra o Coritiba e não seria na partida contra o Bahia, por isso já foi dispensado.

Ele soma 12 jogos e um gol com a camisa do São Paulo e não agradava a comissão técnica nos treinos, que considerava o desempenho do atleta abaixo do esperado.

O jogador também de despediu em suas redes sociais. Veja abaixo:

Foto: Divulgação