Home > Destaques > De olho na tabela

De olho na tabela

Tricolor faz as contas para continuar escapando do Z4. Equipe são-paulina é uma dos times de maior tradição com grande risco de rebaixamento

Vivendo uma situação anormal em sua história, a equipe tricolor ocupa a 14ª colocação no Brasileirão 2017. Ao lado do Fluminense são as equipes de maior tradição no Brasil com um risco grande de rebaixamento neste ano.

Com um ponto acima da zona do rebaixamento, faltando 12 rodadas para o fim da competição, o time do Morumbi tem 31 pontos e possui um aproveitamento de 39,7%. Com base na história e em projeções para este ano. O portal O LANCE! listou as possibilidades para disputar a série A do ano que vem, veja algumas abaixo:

NOTA DE CORTE

A disputa do Brasileirão com 20 clubes iniciou em 2006. E a “nota de corte” mais alta da história ocorreu em 2009. O fluminense, naquele ano, em uma arrancada épica fez 46 pontos e escapou da degola. Tricolor e Fluminense faltando 12 jogos para o fim, precisariam de 5 vitórias para chegar a esta meta. As equipes alcançariam 41,6 de aproveitamento, e segundo as projeções dos matemáticos com 46 pontos; as chances de queda serão apenas de 3%.

Em 2014, fugindo de mais um rebaixamento o time sem mundial obteve a “nota de corte” mais baixa da história. Alcançando 40 pontos, o SEP escapou da série B. Com mais 3 vitórias o Tricolor chega a esta marca. Porém para os matemáticos, com esta pontuação as chances de queda são de 99,7%.

PONTUAÇÃO NECESSÁRIA PARA ESCAPAR DO Z4

A média de pontos, desde 2006, dos primeiros times fora da zona foi de 44 pontos. Esta pontuação é muito perigosa, pois as chances para este ano seriam de 40,9%.

No ano do rebaixamento do Internacional (2016), o primeiro time fora da zona, atingiu a marca de 45 pontos. A equipe tricolor precisaria de mais quatro vitórias e dois empates para, como o Vitória da Bahia, escapar.

VEJA MAIS:
+ Ele apita o jogo desta quarta
+ Quais jogadores da seleção torcem para o São Paulo? 

PRÓXIMOS JOGOS DO TRICOLOR

O tricolor passou 13 rodadas no Z4. Agora ocupa 14ª colocação e tem pela frente: Atético-MG (F). Atlético-PR (C). Fluminense (F). Flamengo (C). Santos (C). Atlético-GO (F). Chapecoense (C). Vasco (F). Grêmio (F), Botafogo (C), Coritiba (F) e Bahia (C). Nos próximos cinco jogos em casa, o tricolor mandará as partidas no Pacaembu. Apenas o confronto contra o Bahia na última rodada será no Morumbi.

ADVERSÁRIOS QUE ESTÃO PERTO NA TABELA DE CLASSIFICAÇÃO

O Fluminense é o primeiro time fora da zona do rebaixamento e tem pela frente:Flamengo (F). Avaí (C), São Paulo (C), Chapecoense (F), Bahia (C), Botafogo (F). Coritiba (C), Cruzeiro (F), Corinthians (F), Ponte Preta (C), Sport (C) e Atlético-GO (F).

O adversário de hoje (11) do tricolor é um adversário direto, pois estamos a 3 pontos dele na tabela. E na competição os mineiros terão pela frente: São Paulo (C). Sport (F), Chapecoense (C), Cruzeiro (F), Botafogo (C), Santos (F), Atlético-GO (C). Bahia (F), Vasco (F), Coritiba (C), Corinthians (F) e Grêmio (C).

Com dois pontos a frente do São Paulo, o Vasco ocupa a 10ª colocação com 33 pontos. A equipe carioca terá pela frente: Avaí (F). Botafogo (C), Atlético-GO (F), Coritiba (C), Flamengo (F), Vitória (C), Santos (F), São Paulo (C). Atlético-MG (C), Atlético-PR (F), Cruzeiro (F) e Ponte Preta (C).

Das equipes ameaçadas pelo rebaixamento. O Atlético-PR é a equipe que tem a melhor colocação (9º lugar – 34 pontos). Outros times que brigam para fugir da série B em 2018 são: Vitória (32), Chapecoense (32). Bahia (31), Ponte Preta (31); além dos quatro últimos (Sport – 30, Avaí – 30, Coritiba – 28 e Atlético-GO 25).

Foto: Divulgação