David Neres: “Queria fazer nome no São Paulo”

Revelado em Cotia, o jogador que depois de alguns meses no profissional foi vendido para o Ajax, afirma que gostaria de ter continuado no Tricolor

Vendido no final de janeiro, Neres foi promovido ano passado, e virou titular na reta final do Campeonato Brasileiro. Mas não conseguiu treinar com o técnico Rogério Ceni, já que estava na seleção brasileira disputando o Sul-Americano Sub-20, no Equador.

O ex-jogador do Morumbi está de férias no Brasil e revelou em entrevista que gostaria de ter ficado mais tempo no clube.

“Queria ter ficado, eu ralei, trabalhei lá dentro da base por 10 anos. Ai chegar no profissional e fazer alguns meses e ir embora. Eu queria fazer um nome no São Paulo. Em oito jogos não dá pra fazer nada, é o meu clube do coração”, disse o garoto de 19 anos.

Quando foi questionado se participou da negociação, Neres afirma que não, pois tudo aconteceu enquanto estava jogando pela seleção sub-20. Nem a família do jogador sabia do interesse do Ajax, da Holanda. Somente os empresários.

LEIA MAIS

+ Chavez já foi liberado e não joga mais pelo São Paulo

“Não participei (da negociação), estava na seleção ainda. Deixei tudo com os meus empresários, nem a minha família estava no meio. Confio muito neles. Deixei que eles cuidassem de tudo, eu sabia que eles queriam o que fosse melhor para mim, para minha família e para clube, São Paulo, e no fim deu tudo certo.

David Neres se tornou a segunda maior compra da história do time holandês.

Foto: Twitter Ajax

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *