Cueva será liberado e só deve voltar ao Tricolor após a Copa

Raí fala sobre a situação do meia peruano, que será liberado para o nascimento do segundo filho e deverá voltar ao Tricolor só após a Copa do Mundo

Cueva entrou no segundo tempo do confronto contra o Rosaro Central e acabou sendo expulso quase no fim da partida.

Por conta do nascimento do segundo filho, o São Paulo irá liberar o jogador para ir ao Peru, e deverá seguir direto para a Copa do Mundo.

O peruano ficará fora do jogo contra o Bahia, em Salvador e o clássico contra o Santos, no Morumbi, ambos pelo Campeonato Brasileiro.

Raí explicou a situação de Cueva e afirmou que o mais provável é que o meia se apresente direto à seleção peruana para a disputa da Copa do Mundo. Ele e Aguirre querem contar com jogadores 100% concentrados e com a cabeça no São Paulo, o que é nítido que o peruano não está nesse momento.  Tanto pela Copa do Mundo quanto pelo iminente nascimento do filho.

“Ele vem alegando desde a semana passada que está preocupado com a esposa grávida e depois ele alegou que poderia adiantar o parto. Obviamente queremos todo mundo com a cabeça no São Paulo. Tentamos mostrar a importância dele para o grupo, mas ele está preocupado com a esposa. Estava previsto para a semana que vem, mas ele vai viajar agora”, disse.

“Acho difícil que ele volte para enfrentar o Santos. Até porque a Federação Peruana está pedindo que os jogadores que consigam se apresentem antes do dia 21, quando começam os treinos para a Copa do Mundo”, ressaltou.

Raí ainda falou que Cueva não fez o seu último jogo pelo Tricolor contra o Rosario Central, pois ele tem contrato com o clube por mais tempo.

“Despedida, não. O Cueva ainda tem contrato com o São Paulo (até 2021). Vamos torcer para que ele faça uma boa Copa do Mundo”, finalizou.

Foto: Marcos Ribolli

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *