Home > Destaques > Crônica – São Paulo 0x0 Inter/juiz

Crônica – São Paulo 0x0 Inter/juiz

Em um jogo muito fraco tecnicamente e com diversos de arbitragem, o tricolor ficou no empate com os gaúchos e no momento somos os segundos no campeonato

Na fria noite desta terça-feira, São Paulo desperdiçou a chance de encostar ainda mais no líder Flamengo. Repleto de desfalques e com Jucilei poupado, o Tricolor sentiu a ausência de Nenê e não saiu de um monótono empate por 0 a 0 com o Internacional.

Com 17 pontos ganhos, o time dirigido por Diego Aguirre assumiu provisoriamente a vice-liderança. O Colorado, por sua vez, segue no quinto lugar, agora com 16 pontos.

Em seus dois últimos jogos antes da pausa para a Copa do Mundo, o São Paulo tentará pôr fim ao tabu de jamais ter vencido o Atlético-PR na Arena da Baixada, a partir das 16 horas (de Brasília) do próximo sábado e na outra terça, as 21h30, enfrentaremos o Vitória, no Morumbi.

+ Veja aqui a ficha técnica e os números da partida

O Jogo – Em grande jogada individual de Lucas Fernandes, o São Paulo foi o primeiro a chegar com perigo. Logo aos cinco minutos, o jovem meia passou a bola entre as pernas do marcador na direita e tocou para Liziero, que arriscou de fora da área. A bola saiu com força e chegou quicando, mas Danilo Fernandes fez a defesa em dois tempos.

Embora tivesse o domínio da posse de bola, o Tricolor só voltou a assustar a meta gaúcha aos 36 minutos. Após cobrança de escanteio pela direita, a bola sobrou para Reinaldo na intermediária. O lateral esquerdo chutou forte, de primeira, e exigiu grande defesa do arqueiro colorado, que se esticou todo para evitar o primeiro gol da partida.

Pouco depois, Zeca bobeou dentro da área e Everton tomou a bola dele. Na sequência do lance, o camisa 18 cruzou rasteiro para o meio, mas a defesa não deixou que ela chegasse no apagado Diego Souza. Apesar da superioridade, os donos da casa não conseguiram abrir vantagem antes do intervalo.

A etapa complementar começou agitada. Em menos de dois minutos, os gaúchos arriscaram duas vezes de fora da área. O São Paulo respondeu com Lucas Fernandes, que chutou de primeira após cruzamento de Reinaldo. Bem colocado, Danilo Fernandes fez a defesa. No rebote, depois de dividida entre Diego Souza e Cuesta, a bola voltou para o goleiro.

Mas o Inter voltou determinado a dar mais trabalho para os mandantes. Aos seis minutos, aproveitando vacilo de Anderson Martins na linha de fundo, William Pottker finalizou em cima de Sidão. Na sobra, Damião tentou de bicicleta, mas mandou à direita da meta tricolor. Logo em seguida, novamente de bicicleta, o centroavante colorado tirou tinta do travessão.

Diego Aguirre, então, fez duas substituições simultâneas: entraram Shaylon e Araruna nos lugares de Lucas Fernandes e Tréllez. Odair Hellmann respondeu tirando o meia Lucca e colocando o atacante Rossi. O duelo, contudo, continuou morno e sem chances de gols para ambos os lados.

Como última cartada, o treinador uruguaio lançou mão de Paulinho na vaga de Liziero, ao passo que o comandante colorado sacou Charles e Pottker para as entradas de Camilo e Nico López. Mesmo com as novas mudanças, os times não melhoraram de rendimento e o confronto persistiu monótono, terminando empatado sem gols.

FONTE: Gazeta
FOTO: Sergio Barzaghi – Gazeta Press