Crônica- São Paulo 0 x 2 S.E.P

Tricolor perde mais um clássico e agora há de focar na Libertadores. Reage São Paulo

Na manhã deste domingo, 13, o São Paulo recebeu o S.E.P, no Pacaembu, o tricolor voltou a pecar no setor ofensivo, perdendo as suas chances enquanto a equipe adversária aproveitou as poucas que teve e saiu com á vitoria, por 0 x 2.

O JOGO

spfc3

O jogo começou com o São Paulo comandando as ações do jogo, e aos 14 minutos de jogo teve sua primeira grande chegada, em escanteio cobrado por Michel Bastos, Rodrigo Caio desviou e a bola caprichosamente saiu pela direita do gol defendido por Fernando Prass, o Tricolor voltou a assustar aos 27 minutos em outra bola parada, dessa vez Carlinhos foi quem levantou a pelota na área e João Schimidt cabeceou para as Redes, mas o arbitro anulou o gol São Paulino, alegando impedimento no lance.

+ Confira as atuações individuais e as notas do Tricolor no Choque Rei!

O S.E.P por sua vez, chegou com perigo apenas uma vez ao gol de Denis no primeiro tempo, em cruzamento de Zé Roberto, Alecsandro tocou com o pé direito obrigando o goleiro São Paulino a fazer grande defesa e salvar o tricolor.

O primeiro tempo terminou com amplo domínio tricolor, grande posse de bola, algumas chances criadas mas como vem acontecendo nos últimos jogos, pecou na conclusão.

SEGUNDO TEMPO

SPFC4

O segundo tempo começou com uma substituição no S.E.P, o treinador Alberto Valentim, sacou Lucas e colocou em campo o jovem João Pedro, já que o lateral alviverde teve grande trabalho no primeiro tempo, Mas mesmo com a mexida o São Paulo continuou pressionando, e principalmente nas bolas paradas levando perigo ao gol adversário, aos 15 minutos, o Treinador São Paulino Edgardo Bauza colocou Paulo Henrique Ganso e Jonathan Calleri, e tirou Daniel e Alan Kardec respectivamente, o São Paulo continuou pressionando seu rival, Bauza ainda não contente com o setor ofensivo, chamou Centurión, na primeira jogada do argentino ele cortou a marcação de Zé Roberto e bateu de pé esquerdo para a defesa de Prass, no contra-ataque armado por Allione que cruzou para área e Dudu se antecipou a Caramelo e fez gol, abrindo o placar.

O jogo recomeçou, e o São Paulo foi ao ataque buscando o empate, que quase veio em uma perigosa cabeçada do zagueiro Maicon, mas logo o São Paulo sofreu outro duro golpe, o 2 x 0, veio do pé de um antigo carrasco tricolor, Robinho, que em um belo chute fechou o placar, decretando a derrota tricolor.

+ Maicon conquista respeito da torcida e diretoria. Saiba Mais!

OPINIÃO

Novamente o São Paulo atacou, pressionou e lutou, mas como vem acontecendo já a algum tempo sofreu com a efetividade de seu setor ofensivo, Calleri e Alan Kardec não vem aproveitando as oportunidades, o argentino sempre luta bastante, e se doa ao máximo, mas não é suficiente, falta poder de finalização, já Alan Kardec que ainda não marcou em 2016, não tem nem oque elogiar, começo de temporada muito abaixo de seu potencial, apesar de um erro da arbitragem que mudou a historia do jogo, o São Paulo precisa melhorar , até porque, temos um jogo de vida ou morte na quarta feira, contra o Trujillanos, na Venezuela, é ganhar ou ganhar.

https://www.youtube.com/watch?v=QL0IvtwxX_k

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *