Ceni fala sobre não poder jogar no Morumbi, ser M1to e garotos de Cotia

Rogério Ceni foi entrevistado pelo Eduardo Affonso, dos canais ESPN e falou sobre não poder jogar no Morumbi, garotos de Cotia e muito mais

Nesta segunda-feira, Ceni foi entrevistado pelo jornalista Eduardo Affonso, dos canais ESPN, e falou sobre a volta ao Morumbi adiada, garotos de Cotia, momento do São Paulo e ser M1to para duas torcidas. 

Edu Affonso comentou que Ceni não iria enfrentar o São Paulo no Morumbi, pois na data que está marcado o jogo entre São Paulo x Fortaleza, o estádio irá receber um show do Iron Maiden. O jornalista até brincou com o ex-goleiro falando que ele podia ir no show. 

“Eu gosto também (de Iron Maiden), mas não é a minha banda predileta, mas gosto de algumas músicas, e o jogo provavelmente será no Pacaembu, né? Isso faz parte, um dia nós jogaremos lá, de uma maneira ou de outra, nós jogaremos de volta no Morumbi”, falou. 

 O jornalista perguntou para Ceni, como era ser M1to nas duas torcidas, no São Paulo e no Fortaleza, e se é mais difícil ser como jogador ou treinador. 

“Eu me sinto extremamente honrado e o carinho que eu tenho. Eu deixei o meu melhor nos 25,26 anos de São Paulo, então eu acho que tem esse reconhecimento, mas também eu entreguei tudo o que eu podia lá. E aqui eu acho que é mais impactante, porque a vida de treinador, por ser treinador e não ser xingado, já é uma virtude, e você ter uma festa como a de domingo, das duas torcidas, pra mim é marcante. 

Ceni também falou dos garotos da base do Tricolor, dos bons talentos que estão surgindo em Cotia e o momento do São Paulo com a garotada em campo.  

“Na minha época eles foram vendidos, e eu acho essa safra é uma safra muito boa, o Antony, é um belíssimo jogador, Lizeiro é bom jogador, o Luan. E tem uma estrutura muito boa, com a liderança do Hernanes, com a do Hudson, que também tem essa liderança, a zaga também é firme tem um bom goleiro. 

“É um time que tem Helinho, outros jogadores de velocidade, Toró, que fez bons jogos ultimamente, é um time que tem juventude mesclada, e o Cuca, que é um bom treinador, que monta bem o time. Com bastante peças, com bastante opções”, finalizou. 

Foto: Ceni