in

Abílio Diniz não deu tanta importância a derrota no Majestoso

Empresário disse que “os campeonatos regionais não valem nada”

O clima era de frustração após a derrota sofrida no Majestoso de ontem no Morumbi, algo que era visível no semblante dos torcedores após o apito final. Porém, o empresário Abílio Diniz tratou de minimizar os possíveis efeitos negativos do revés.

Em sua coluna no UOL, publicada na noite de ontem, Abílio iniciou seu texto já expressando sua real opinião referente a importância da partida:

“O jogo de hoje não valia nada, como não valem nada os campeonatos regionais. Eles só fazem sentido para os cartolas da CBF, que se negam a buscar um formato mais inteligente em benefício do futebol brasileiro.”

+ São-paulinos que defenderão a Seleção em Março

Na sequência, ele reconhece que jamais é bom perder para um arquirrival, porém olhando com uma visão mais otimista:

“São-paulinos, reconheço que perder para um rival é sempre doído. Mas, quem sabe o episódio de hoje possa ser revertido em um aprendizado. Os jogos que valem realmente algo vêm pela frente.”

Por fim, o ex- proprietário do Grupo Pão de Açúcar ainda alertou para itens necessários para que o tricolor triunfe sobre o rival:

“Não vamos nos lamentar. Vamos olhar com otimismo para frente e ter em mente que para jogar contra o Corinthians de Tite é preciso muito mais que futebol. É preciso também uma boa dose de esperteza.”

A próxima oportunidade que Muricy Ramalho e os jogadores terão para aplicar a “esperteza” descrita por Abílio Diniz será no dia 22 de abril, em jogo da última rodada da fase de grupos da Libertadores.

O que achou?