in

São Paulo vence o time da baixada no Morumbi e mantém 100% em casa

Com gols de Michel Bastos, Paulo Miranda e Rogério Ceni, Tricolor vence por 3 a 2 e continua na tropa de elite do Brasileirão

São Paulo e sardinhas fizeram um clássico interessante nesta quarta-feira, no Morumbi, pela quinta rodada do Brasileirão. E o tricolor levou a melhor o Tricolor. Com gols de Michel Bastos, Paulo Miranda e Rogério Ceni, venceu por 3×2 e deixou o novo técnico, Juan Carlos Osorio, contente com o que viu. Ele assistiu ao jogo do camarote por ainda não ter visto de trabalho.

Com essa vitória, o São Paulo chegou a 10 pontos em cinco jogos e continua brigando pelas primeiras colocações do campeonato.

Na próxima rodada do Brasileirão, o São Paulo joga novamente no Morumbi. Dessa vez pega o Grêmio, às 22h de sábado.

O jogo

PRIMEIRO TEMPO
Logo no primeiro lance de ataque do São Paulo, Paulo Miranda trombou com o goleiro Vladimir. O santista levou a pior, chegou a quase vomitar em campo, mas seguiu no jogo – foi substituído apenas no intervalo, por Vanderlei.

Melhor em campo durante todo o jogo, o Tricolor teve várias chances na etapa inicial. Faltou, porém, capricho no arremate final. Dória teve boa chance e desperdiçou.  Pato, após bela jogada, arriscou com a perna esquerda e chutou para fora, a bola assustou o time rival.

A pressão do tricolor seguia e o primeiro gol do São Paulo, depois das tentativas de Dória e Alexandre Pato, saiu dos pés do meia Michel Bastos. Aos 33 minutos, ele bateu falta de longe e abriu o placar: 1×0. Mesmo com o domínio do jogo, o Tricolor deixou o time visitante empatar. Ricardo Oliveira, aos 45, bateu o pênalti cometido por Denílson, Ceni defendeu, mas no rebote o próprio Ricardo igualou

No final do primeiro tempo, o árbitro Thiago Duarte Peixoto deu cartão amarelo para o goleiro reserva do São Paulo, Renan Ribeiro, e em seguida para Rogério Ceni. Ambos por reclamação. Na saída para o intervalo, o capitão do Tricolor disparou contra o juiz, que na volta para a etapa final não quis entrar em confronto com o jogador. (ASSISTA).

SEGUNDO TEMPO
Após lançamento de Lucas Lima, o atacante chutou cruzado, e o goleiro tricolor falhou. Era a virada do Peixe no Morumbi. Só que o São Paulo conseguiu reagir rapidamente. Aos 4 minutos, Thiago Mendes bateu escanteio para área, e Paulo Miranda, de cabeça, empatou.

Nenhum dos dois times se acomodou com o empate. São Paulo e Santos tentaram, cada um à sua maneira, chegar à vitória. Mas o Tricolor levou a melhor. Aos 39 minutos, de pênalti, Rogério Ceni virou a partida para os donos da casa. O goleiro chegou a 128 gols com a camisa tricolor, igualou Raí e se tornou o 10º maior artilheiro da história do Tricolor.

O Peixe ainda tentou correr atrás de uma reação, mas Marquinhos Gabriel foi expulso e as coisas ficaram mais difíceis com um a menos. Melhor em campo na soma dos dois tempos, o São Paulo mereceu a vitória.

https://www.youtube.com/watch?v=KRrT0LZP4kM

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara